A transitoriedade da vida



Toda mega igreja deveria ter em seu hall de entrada uma decoração igual da Capela dos Ossos.


As suas paredes e os oito pilares estão "decorados" com ossos e caveiras ligados por cimento pardo.

 






O objetivo daqueles monges era transmitir a mensagem da transitoriedade da vida, já na porta de entrada você lê a seguinte frase:

 "Nós ossos que aqui estamos pelos vossos esperamos"



Chocante né ? Quem passa por lá é afrontado com a realidade e realmente a mensagem é passada com sucesso.



A pouco tempo, fui no enterro de um amigo, ao invés de ficar no velório fui perambular no cemitério e parei para observar o trabalho do coveiro




 

Vi quando aquele rapaz abriu uma lápide e começou a encher um saco preto (de lixo), sem mais nem menos (nunca tinha visto aquele homem na minha frente) ele se dirigiu aonde eu estava, abriu o saco na minha frente e disse: Olha o que vamos virar !


Ossos + ossos, cabelos, dentes e alguns trapos de roupas.

 

Aquilo me fez cair na real !


 

Afinal, poucos de nós refletimos que um dia voltaremos ao pó, a gente fica pensando que as coisas ruins nunca atravessará nosso caminho e para piorar somos doutrinados em nossas igrejas a determinar tudo, acreditando que isso nos trará alguma espécie de proteção, tipo uma manta super protetora que afugentará toda desgraça.


 

Assim na prática, enquanto a gente não passa por uma situação apertada, como por exemplo a perda de alguem muito amado, não temos idéia o que isto significa, só quem esta vivendo a situação é que sente realmente o drama e assim vai caindo na real e vendo que de super não temos nada, a chuva que cai na cabeça do rico, cai na cabeça do pobre, o dia mal vem sobre os bons e os maus.


E a Fé é o único escape para aliviar de verdade esses momentos tão horriveis

 

Não se engane com as pregações, ensinos e teologias que prometem o que não pode-se prometer: Vitórias, glórias, risos, saúde, alegrias, unção, dons, prosperidades, coberturas, etc....


 

A verdade tá cravada na Biblia, você vai morrer, e a Fé em Jesus, é o único alivio para os dias maus e para morte, pois quem esta Nele jamais sofrerá a segunda morte e isto é o que importa de verdade.


 

O tempo que passamos por aqui é nada perto da eternidade, esta é a esperança que temos, esta é a esperança que faz com que encaremos as lutas do dia a dia de forma diferente, esta é a esperança que nos contrange, afinal queriamos tudo pra já, agora, mais não é pra já e nem será agora.


 

Agora podemos crer no que não vemos e nem tocamos, podemos ser taxados de tolos por seguir um Homem apelidado de mendigo, um homem que não tinha paradas, nem casas, nem mulas, nem barcos, nem status


Um homem que foi expulso do templo, do meio dos religiosos, dos entendidos

 

Um homem que aceitou a Cruz e através dela pagou nossa passagem para um lugar melhor do que este, assim cremos, assim esta escrito, isto é pela Fé, isto é Fé.

 

Abraços


Na Fé

 

Marcelo e Eunice


é de arrepiar:









Observação:

 


2ª Morte / Distanciamento eterno de Deus... e não vai ter coisa pior que isto, leia Mateus 25:41 a 46 e Apocalipse 20:12 a 15

8 comentários:

Elisangela Esperdiao disse...

olha sensacional este post! e original!
já estou te seguindo e obrigada por seguir o meu abraçoss
http://soucristaoesirvoajesus.blogspot.com/
http://www.williansamueloautista.blogspot.com/
http://meustemplateseminhasartes.blogspot.com/

Caminhando na Graça disse...

valeu Elisangela

Abraços

Eunice

Wallace OLIVEIRA CRUZ RODRIGUES MOURA disse...

O SINAL DA MISERICÓRDIA DE DEUS



MISERICÓDIA


Gênesis 4: 15, 23, 24 - Mateus 18: 21, 22

A Palavra fala em Gênesis que, após o homicídio cometido contra seu irmão Abel, o Senhor colocou um sinal em Caim para que o não ferisse qualquer que o encontrasse. Esse sinal não era de Juízo, mas de Misericórdia, para que através dele Caim não viesse a perecer. O Senhor falou também que qualquer que matasse Caim, seria castigado sete vezes.

Depois a Palavra fala de Lameque, um homem violento e arrogante, que tinha duas mulheres: Ada e Zila. Um dia Lameque matou um homem somente porque este o havia ferido (no original o sentido da palavra ferido é arranhado). Também matou um mancebo porque o pisou (tropeçou no seu pé, no original).


Já naquela época podíamos ver a banalização e a multiplicação da violência, quando se matava uma pessoa por qualquer motivo, como acontece hoje em dia também. A partir do crime cometido por Caim, a violência e a agressão das pessoas contra seus semelhantes foi se multiplicando mais e mais.

A respeito dos dois – Caim e Lameque – o Senhor disse: “Porque sete vezes Caim será vingado; mas Lameque setenta vezes sete”.

No texto acima o Senhor mostra que aquele que matasse Caim receberia um juízo sete vezes proporcional ao crime cometido por ele, e aquele que matasse Lameque receberia um castigo proporcional a setenta vezes àquele que seria aplicado ao matador de Caim. Com essas palavras, Deus queria mostrar a todos que as consequências do pecado na vida do homem são terríveis. Ele queria que todos entendessem que o melhor caminho era o da misericórdia e do perdão.


Quando Pedro perguntou: “Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu hei de perdoar? Até sete?” Respondeu-lhe Jesus: “Não te digo que até sete; mas até setenta vezes sete”. Com esta resposta, o Senhor Jesus mostrou que o perdão deve ser dado numa proporção muito maior do que o pecado cometido, isto é, ainda que o pecado cometido tenha grande vulto, o perdão deve ter um vulto ainda maior: Setenta vezes sete.

Se o pecado tem peso sete, a misericórdia deve ter peso setenta, pois, onde abundou o pecado, superabundou a Graça (Romanos 5: 20).

E respondendo Jesus, disse-lhe: Simão, tenho uma coisa a dizer-te. Respondeu ele: Dize-a, Mestre. Certo credor tinha dois devedores; um lhe devia quinhentos denários, e outrocinqüenta. Não tendo eles com que pagar, perdoou a ambos. Qual deles, pois, o amará mais? Respondeu Simão:Suponho que é aquele a quem mais perdoou. Replicou-lhe Jesus: Julgaste bem (Lucas 7: 40-43).

O que observamos nos textos acima, é que a proporção da misericórdia e do perdão do Senhor é dez vezes maior do que o pecado cometido pelo homem. O sinal da Misericórdia de Deus nas nossas vidas é o Sangue de Jesus, que fala mais alto do que os nossos pecados.

POR WALLACE OLIVEIRA CRUZ RODRIGUES MOURA
A PAZ DO SENHOR JESUS AMADOS SEGUIDORES!

Veja postagem: PERDOAR É NECESSÁRIO

Caminhando na Graça disse...

Caro Wallace

Obrigado pela visita e pela mensagem

abraços

Marcelo

natalee melo disse...

sabemos que um dia morreremos e viraremos apenas ossos, nada mais... pois o espírito a Deus retornará. no entanto, ver todas essas imagens, é bem chocante mesmo! mensagem muito boa!
estou seguindo! Deus abençõe e fiquem na fé e na paz!

Caminhando na Graça disse...

olá Natalee, a paz

choca mesmo né rsrsr

vamos te seguir tb

abraços

Eunice

A Tua palavra é A Verdade ! disse...

Graça e paz.

Fico imensamente honrado e feliz pela visita e por seguir meu blog, muito obrigado.

Parabéns pelo seu espaço, estarei divulgando.

Seu conservo, Iveraldo Pereira

Caminhando na Graça disse...

irmão Iveraldo, a paz do Senhor

Muito obrigado pela visita e por divulgar nosso trabalho

Abraços

Marcelo